quarta-feira, 23 de maio de 2012

Me sinto só

Agora é a madrugada de quarta-feira, estou acordada vendo algumas coisas na internet, tentando aprender outras, e tentando descubrir se a minha cabeça parou de funcionar ou o que está acontecendo.

Os meus dois anjos dormem ao meu lado, e fico pensando o que posso oferecer a eles, ou o que posso oferecer a outras pessoas que acreditavam tanto em mim...sendo que agora, eu mesma chego a desconfiar das minhas possiblidades, das minhas claridades e de meus conhecimentos.

Por mais que eu esteja ao lado das pessoas que eu amo, me sinto perdida e sem rumo...Não sei o que esperar da vida ou se devo esperar alguma coisa....Enquanto olho as páginas da internet, tento imaginar se uma idéia fabulosa virá a minha cabeça, se verei algo que realmente me mostre o que deve fazer ou o que tenho que decidir, se é que nesta altura do campeonato me vale decidir alguma coisa.

Estou em uma fase que não quero ser pessimista, pois considero que pelo que já vi e tenho conquistado, uma pessoa realizada, mas mesmo estando em casa neste momento, cuidando de quem mais amo, tenho medo de ficar somente nisso, tenho receio do que pode acontecer e medo de esquecer de mim. Não quero ser derrotista, como já falei, e sei que não adianta ficar esperando para coisas acontecerm, mas o que a gente faz quando você procura-procura-procura e nada acontece? Tenta executar uma coisa e não chega a lugar nenhum, depois de tantas coisas que já fiz na minha vida será que estou chegando ao final de carreira? E disso que tenho medo...O tempo está passando, não quero cair na mesmice e nem esquecer de mim.

Não quero me lamentar, pois acho que não seria justa em fazer isso devido a todas as possibilidades que já tive, mas ao mesmo tempo estou lutando contra mim mesma para me manter forte, de cabeça erguida e seguindo em frente...É chato, me sinto só por isso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. Obrigada!!!